À venda na Área Virtual, 10€

Amostras aqui

 

Direção Geral: Carlos Gonçalves e Paulo Esteireiro

Intérprete: Isabel Rei Samartim

Editora: AREArtística

SINOPSE

O CD A viola no século XIX: Música de salão na Madeira contém quarenta faixas mais um extra, uma valsa da Coleção de Peças para Machete (1846, ed. 2009) do madeirense Cândido Drumond de Vasconcelos, gravada com braguinha.

As músicas que constituem o CD têm aproximadamente duzentos anos e foram encontradas em dois cadernos de manuscritos achados num mercado do Funchal pelo alaudista e musicólogo lisbonense Prof. Manuel António de Jesus Morais. A Direção Regional de Educação, através dos Serviços de Educação Artística e Multimédia, recuperou as partituras, efetuando uma edição moderna das partituras e convidou a guitarrista galega Isabel Rei Samartim a gravar um disco com uma seleção de músicas contidas nesses manuscritos madeirenses. Este convite faz parte de uma estratégia de divulgar o património musical madeirense além-fronteiras, através do convite a instrumentistas virtuosos estrangeiros para realizarem gravações e interpretarem o repertório musical recuperado.

Estes cadernos estão formados por mais de cem obras para viola, a maior parte para o instrumento a solo, mas também para voz e viola e duos de violas. O reportório compõe-se de fantasias, temas com variações, sonatinas, canções, exercícios e peças breves, compostas ou arranjadas para o instrumento, abundando as melodias italianas, as citações operísticas e os ritmos de dança. A maior parte das obras são anónimas e há uma notável semelhança na letra do copista em todas elas, o que sugere a ação de uma única mão em ambos os cadernos.